INSS em Roraima realizou mais de 60 ações em comunidades indígenas e áreas rurais em 2014. Foto: Tiago Turcatel

A equipe itinerante do Programa de Educação Previdenciária (PEP) da Gerência-Executiva do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em Boa Vista/RR realizou mais de 60 ações em comunidades indígenas e áreas rurais de Roraima em 2014. As ações beneficiaram aproximadamente sete mil segurados da Previdência Social.

Ao todo mais de 30 comunidades, dos 15 municípios do estado, receberam a visita do INSS. A equipe itinerante orienta a população com palestras, panfletagens, habilitação de benefícios e prestação de serviços previdenciários. De acordo com o gerente-executivo do INSS, Antonio Edilton Quinto do Rosário, a Previdência Social tem a missão de levar os serviços e benefícios previdenciários a todos os trabalhadores e segurados brasileiros que residem nos mais remotos pontos do território nacional. (mais…)

Tempo de áudio: 4 min 55 seg

 A Previdência Social comemora 92 anos neste sábado, 24 de janeiro. Conversamos com a presidenta do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Elisete Berchiol, sobre as maiores conquistas da previdência nos últimos anos e os principais desafios que virão.

LOC/REPÓRTER: Presidenta, a Previdência Social comemora 92 anos, como a senhora destacaria estes anos de história?

TEC/SONORA: Presidenta do INSS, Elizete Berchiol

 “São 92 anos de muito trabalho e de muito aperfeiçoamento nos regimes de Previdência no país. Hoje nós temos três pilares: a previdência do Regime Geral, que atinge a grande maioria dos trabalhadores brasileiros e onde o INSS é responsável pela operacionalização do reconhecimento de direito e do pagamento dos benefícios. Além disso, temos o regime complementar e o regime próprio de Estados e Municípios e da União.

Com relação ao RGPS e a operacionalização, que é o que cabe ao INSS, hoje o INSS é responsável por mais de 32 milhões de pagamentos, é uma folha de pagamento que é rodada todos os meses e que todos os meses paga em dia. Isso é motivo de orgulho para todos os servidores e o INSS”. (mais…)

Tempo de áudio: 1 min e 38 seg

LOC/REPÓRTER: Dentro das comemorações dos 92 anos da Previdência Social, o Secretário de Políticas de Previdência, Benedito Brunca, falou  sobre  os avanços da Previdência Social nos últimos anos e da necessidade de aprimorar ainda mais as medidas no sentido de melhorar o atendimento ao cidadão

TEC/SONORA: Secretário de Políticas de Previdência Social, Benedito Brunca.

“Já evoluímos muito, acabamos com as filas, temos um processo de reconhecimento  de direito pautado em   todo um agendamento estruturado com reconhecimento de direito a partir da ligação ou do  registro na internet dos pedidos , mas sempre há oportunidade de melhorar e aprimorar e usar a tecnologia em prol do cidadão, essa é a nossa missão que nós vamos estar perseguindo isso de maneira contínua.

LOC/REPÓRTER: O secretário também falou sobre o papel da Previdência para a proteção social dos trabalhadores de todo país.

“ Nós temos quase 70 milhões de segurados filiados ao sistema. Estamos pagando mais de 32 milhões de benefícios mês, o que equivale a  mais de 30 bilhões de reais distribuídos em todos os municípios do país e isso tem impulsionado a economia,   a proteção às pessoas,  a proteção as famílias. Hoje os aposentados e pensionistas recebem seus  pagamentos  próximo da sua residência , em todos os municípios, isso era um sonho do passado e hoje nós já temos isso como uma realidade que vai se consolidando cada vez mais. “

De Brasília, Dinorah Bandeira

 

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Tempo de áudio-3 min e 2 seg

LOC/REPÓRTER: Durante as festividades em comemoração aos 92 anos da Previdência Social, a nova  presidente do INSS,  Elisete Berchiol , disse que uma das prioridades em sua gestão será  reforçar o atendimento ao público nas quase 1.500 agências espalhadas por todo o Brasil.

TEC/SONORA: Presidente do INSS, Elisete Berchiol.

A prioridade é dar continuidade ao trabalho que já vem sendo desenvolvido nos últimos anos,  de aperfeiçoar o nosso atendimento,  de agilizar e cada vez mais atender o nosso cidadão, nosso segurado, com hora agendada. Que ele vá para a agência com a documentação toda organizada,  quando  for necessário,  e a gente possa resolver com muita agilidade e muita eficiência o seu pedido,  e seu requerimento. Nós temos que avançar em ferramentas em estratégias e  em sistemas que nos ajudem a   reforçar o atendimento ,  e aprimorar , para que a gente não tenha  a penalização do nosso segurado com essa demora. Muito foi feito, muitas agências hoje  estão espalhadas pelo país.  Ainda temos que reformar muitas unidades, mas eu confio muito na estratégia lançada pelo ministro Gabas, de aperfeiçoar o sistema, de aprimorar e usar a tecnologia da informação,  para que a gente tenha mais  facilidade e um alcance maior no atendimento ao nosso cidadão,  e que ele possa ir na agência quando for necessário,  com dia e horário marcado.” (mais…)

Previdência Social mais perto do cidadão

Mais de 385 mil pessoas das regiões Norte e Centro-Oeste foram beneficiadas, em 2014, com a inauguração de mais nove Agências da Previdência Social (APS).  Segundo o superintendente da Regional Norte/Centro-Oeste, André Fidelis, a política da instituição é aumentar constantemente a capilaridade da Previdência Social, de forma a aproximar o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) do cidadão, como também aperfeiçoar os serviços prestados aos brasileiros.

O dirigente ressalta que, agora, a área de abrangência da Superintendência Regional Norte/Centro-Oeste (SR-V) conta com 256 APS em 10 estados. Elas são administradas por meio de 17 Gerências-Executivas (Gex), com seis mil servidores. (mais…)

Sueli e Osvaldo se preparam para a futura aposentadoria

“Não deixe de contribuir. Quem não está trabalhando registrado, dê um jeito, pague por conta própria, porque lá na frente vai fazer falta.” Este é o conselho que a segurada Sueli Teresinha Tonete, de 54 anos, dá aos filhos e conhecidos.

Sueli esteve na Agência da Previdência Social XV de Novembro, em Curitiba, para acompanhar o marido, Osvaldo Hundzinski, de 64 anos, que precisava encerrar sua inscrição como Empresário na Previdência Social para poder começar a contribuir em outra categoria.

O casal é um exemplo de planejamento e cuidado com o próprio futuro e da família: preocupados em estarem protegidos para os momentos de adversidade e para a velhice, apesar dos períodos financeiramente difíceis, conseguiram voltar a contribuir para o INSS  e assim garantir o direito aos benefícios previdenciários. (mais…)

Tempo de áudio- 1 min e 15 seg

LOC/REPÓRTER: A partir desta quarta-feira ,14 de janeiro, entra em vigor uma das novas regras para a concessão de pensão por morte. Agora, para ter direito ao benefício, será necessário comprovar dois anos de casamento ou união estável com cônjuge ou companheiro.A norma não vale para o segurado que falecer em decorrência de acidente. Nesse caso, o benefício será concedido independentemente do tempo de união.

Outra exceção é o caso de o cônjuge ou companheiro, depois do casamento ou da união estável, ficar inválido. Nessa situação, o benefício também será concedido independentemente do tempo juntos. Também começa a valer neste 14 de janeiro, a exigência de comprovação de dois anos de casamento ou união estável para a concessão do auxílio-reclusão.

Já está em vigor, desde o último dia 30 de dezembro, outra mudança na lei, a que proíbe o recebimento de pensão pelo dependente que tenha matado o segurado gerador do benefício. Assim, o dependente condenado por homicídio doloso que tenha resultado na morte do segurado, não receberá a pensão a que teria direito. As informações completas sobre as mudanças estão no portal www.previdencia.gov.br

De Brasília, Renata Brumano

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Tempo de áudio – 1min58seg

(mais…)

A população de Marechal Deodoro, município localizado a 28 km de Maceió, passa a contar com uma Agência de Previdência Social (APS) a partir desta sexta-feira (28).  A unidade vai beneficiar os mais de 46 mil habitantes do município. A solenidade de inauguração acontece às 11h, na Rodovia Edval Lemos, S/N – Marechal Deodoro, Alagoas.

 
A agência começa funcionar na segunda-feira (1º), no horário das 7h às 15h. A partir desta data os segurados já poderão fazer agendamento para serem atendidos nessa unidade, pelo telefone 135 ou pela internet (www.previdencia.gov.br). A agência Marechal Deodoro conta com três guichês de atendimento e tem capacidade para realizar uma média de 200 atendimentos mensais. Atualmente, na cidade de Marechal Deodoro o INSS mantém 3.274 benefícios, o que equivale a um pagamento mensal de R$ 2,6 milhões. (mais…)

Tempo de áudio: 4 min e 17 seg

 

O procurador federal Carlos Alexandre de Castro Mendonça está a frente da presidência do CRPS desde outubro. Foto: Nicolas Gomes

LOC/REPÓRTER: O Conselho de Recursos da Previdência Social (CRPS) é um órgão do Ministério da Previdência que têm competência para julgar as decisões proferidas pelo INSS relacionadas  aos benefícios previdenciários. Desta forma, o cidadão pode recorrer ao Conselho para solicitar a revisão das decisões do instituto. O Conselho é constituído por 29 Juntas de Recursos que julgam as decisões em primeira instância e por quatro Câmaras de Julgamento que julgam as matérias em segunda e última instância.

Em 2013, as Juntas de Recursos movimentaram cerca de 225 mil novos processos e nas Câmaras de Julgamento foram protocolados aproximadamente 45 mil processos. O segurado só pode recorrer ás Câmaras de Julgamento após ter seu recurso julgado nas Juntas. Sobre esse assunto vamos conversar com o presidente do Conselho de Recursos da Previdência Social, o procurador federal Carlos Alexandre de Castro Mendonça. (mais…)