O Programa de Educação Previdenciária (PEP) do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no Distrito Federal participa de mutirão itinerante em Cristalina (GO), município localizado no entorno do Distrito Federal.

O mutirão, que começou nessa segunda-feira (19), faz parte do Programa Nacional de Documentação da Mulher Trabalhadora Rural. A ação termina no próximo sábado (24). (mais…)

O município de Uiramutã, região norte de Roraima, especificamente as comunidades indígenas de Água Fria, Flexal, Maturuca e sede do município, recebem até a sexta-feira (22), orientações previdenciárias com a equipe do Programa de Educação Previdenciária da Gerência-Executiva do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em Boa Vista.

A ação leva atendimento aos segurados especiais, na maioria, indígenas. “Atuamos com orientação e informações sobre direitos, deveres, e benefícios como salário maternidade, aposentadorias, pensão por morte, auxílios, inscrição no INSS, benefício assistencial, agendamento eletrônico, entre outros serviços”, explicou o gerente-executivo, Antonio Edilton Quinto, que também participa do trabalho. (mais…)

As homenagens a São José suspendem o atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) nos municípios de Itabuna, Gandu, Mucuri e Ibirataia (BA), onde o santo é padroeiro. Em outras 17 Agências da Previdência Social instaladas na região sul do Estado da Bahia o funcionamento é normal nesta terça-feira, dia 19. O feriado está previsto no calendário de eventualidades do INSS e não traz prejuízos à população. (mais…)

A Procuradoria Federal Especializada junto ao INSS determinou a abertura de processo para suspensão da pensão que está sendo paga ao réu confesso que matou a mulher e requereu o benefício pela morte da esposa. O próprio ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, pediu à Procuradoria que emitisse parecer sobre o assunto, logo que tomou conhecimento do caso pela imprensa.

Claudemir Nogueira teria confessado à polícia que enforcou a mulher com um fio, na residência do casal localizada em um bairro da zona sul de São Paulo. Garibaldi Alves pediu à Procuradoria que analisasse a possibilidade legal de o benefício ser cessado. Nesta segunda-feira (18), o procurador-geral do INSS, Alessandro Antônio Stefanutto, se posicionou sobre o caso. (mais…)

 

Até o final de 2013, a região Nordeste do Brasil deverá receber 83 novas Agências da Previdência Social. Essa expectativa do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi anunciada nesta sexta-feira (15) pelo ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, durante visita que fez ao norte do Piauí para inaugurar as APS de Batalha e Esperantina.

As agências entregues pelo ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, à população do Piauí vão beneficiar mais de 63 mil habitantes que residem nas duas cidades. Das 83 novas agências que deverão ser entregues até o final do ano no Nordeste, cinco estão no Piauí, nos municípios de Altos, Canto do Buriti, Cocal, Luís Correia e Piracuruca. As demais são sete em Alagoas, onze na Bahia, 29 no Ceará, 15 no Maranhão, uma na Paraíba, sete em Pernambuco e oito no Rio Grande do Norte.

População acompanha a inauguração da APS em Esperantina/PI

Acompanhado do governador do Estado, Wilson Martins e dos senadores João Claudino e Wellington Dias, Garibaldi Alves Filho destacou que o Piauí passou a contar com vinte agências, com as inaugurações das APS de Batalha e Esperantina. O ministro lembrou que o Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX) previu 11 unidades para o estado. Destas, quatro já haviam sido entregues à população dos municípios de José de Freitas, Miguel Alves, Pedro II e União.

“Essas agências possibilitam um atendimento de muito maior qualidade. Outra grande vantagem é que geralmente em torno desses municípios existem outros que não têm agências e suas populações não precisarão mais percorrer quilômetros e quilômetros para resolver suas questões previdenciárias”, comentou o ministro Garibaldi Alves Filho. Ele acrescentou que o INSS está cada vez mais próximo do segurado oferecendo um atendimento mais rápido e eficiente. “São 30 milhões de benefícios pagos todos os meses religiosamente em dia”. (mais…)

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS/AL) participa de 13 a 15 de março, do mutirão do Programa Nacional de Documentação da Trabalhora Rural (PNDTR) no município de Jacuípe (AL), em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Incra, além da Secretaria da Mulher do Governo do Estado de Alagoas. A iniciativa faz parte da programação nacional em homenagem à mulher. (mais…)

Um novo golpe contra aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, foi detectado em Teresina(PI). Ele consiste no uso de documentação falsa para saques de benefícios de segurados da Previdência Social em agências bancárias.

Pelo menos quatro vítimas já procuraram o INSS, o Banco do Brasil (BB) e a Caixa Econômica Federal (CEF) para notificar a ação dos golpistas. Quantias consideráveis foram sacadas das contas delas. Somente dessas quatro vítimas foram sacados em agências do BB e da CEF quase R$ 70 mil.

De acordo com as vítimas, os golpistas são tão audaciosos que usam identidades falsas das próprias vítimas para efetuar os saque e, em seguida, abrem uma conta para depositar o dinheiro sacado. O golpe começou a ser detectado entre a segunda quinzena de janeiro e primeira quinzena deste mês. (mais…)

O Blog da Previdência publica, a seguir, série de perguntas enviadas por aposentados, pensionistas e segurados ao ministro Garibaldi Alves Filho e aos canais de interatividade da Previdência Social com o público. Leia, essas perguntas podem te esclarecer também quanto às suas dúvidas

Sou aposentada desde 1998, mas continuo trabalhando com registro em carteira e consequente recolhimento do INSS. Entrei com um pedido de desaposentação, há 3 anos, mas até agora não obtive resultado. O senhor não acha justo a previdência atualizar minha aposentadoria ou me liberar do recolhimento mensal do INSS?            

 A legislação brasileira não prevê a desaposentação. A contribuição do aposentado que voltar a exercer atividade abrangida por este regime está definida na legislação previdenciária (§ 1º do Art.9º, do Decreto 3.048, de 06.05.99). Esclarecemos que as contribuições destinam-se ao custeio da seguridade social, não servindo para a recontagem de tempo de aposentadoria já concedida, nem cabendo restituição, conforme a legislaçãoem vigor. O segurado em tais condições apenas terá direito ao salário-família quando empregado e a salário maternidade (Art. 173, do Decreto acima citado).

Sr. ministro, o profissional liberal (médicos, dentista, etc) deveria pagar sobre 10 salários-minimos (teto) , mas  fica decepcionado com índice de aumento inferior ao índice que se aplica ao mínimo. Hoje é melhor pagar para a previdência menos e aplicar a diferença em aplicação financeira mais segura. O senhor acha isto correto? Vale a pena pagar mais na previdência sabendo que vai receber dependendo do tempo apenas um salario mínimo?

Os benefícios previdenciários não estão vinculados ao salário mínimo desde 1991 e têm o valor teto estabelecido e reajustado anualmente por índices divulgados pelo governo federal.

Assim, os benefícios em manutenção são reajustados na mesma data do reajuste do salário mínimo, de acordo com suas respectivas datas de início ou do último reajustamento, com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor – INPC, apurado pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE.

Esclarecemos que os profissionais liberais, como contribuintes individuais (autônomos), recolhem com a alíquota de 20% sobre os ganhos com o exercício de sua atividade por conta própria ou 11% sobre a remuneração obtida em uma ou mais empresas, respeitando o limite mínimo (salário-mínimo) e o teto previdenciário (atualmente R$ 4.159,00).  (mais…)

A Previdência Social alerta aos cidadãos brasileiros contra um novo golpe que tem se tornado recorrente neste início de ano. Estelionatários estão utilizando o nome do Conselho Nacional de Previdência Social para oferecer benefícios previdenciários e extorquir os cidadãos. 

A atuação da quadrilha costuma acontecer da seguinte forma: os criminosos entram em contato, por telefone, com segurados passando-se por integrantes do Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS).  Sob a falsa alegação de que o cidadão teria direito a receber valores atrasados de benefícios pagos pela Previdência Social, eles pedem ao segurado que informem dados pessoais e solicitam o depósito de determinada quantia em uma conta bancária, para liberar um pagamento que não existe. 

A Previdência Social informa aos cidadãos que não solicita dados pessoais dos seus segurados por e-mail ou  telefone  e também não realiza nenhuma forma de cobrança para realizar seus serviços. A principal recomendação da instituição para os seus segurados é  que não utilizem intermediários para entrar em contato com a Previdência. (mais…)

A Previdência Social participou, nesta terça-feira (12), da 1ª Jornada Internacional da Gestão Pública. O evento, organizado pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), tem como objetivo debater as conquistas e os desafios da gestão pública. Servidores e autoridades da Previdência estavam com um estande montado para mostrar a experiência de sucesso da Previdência Social, que reduziu as filas e otimizou o atendimento aos cidadãos.

O secretário-executivo do MPS, Carlos Eduardo Gabas, apresentou a trajetória da melhoria da gestão na Previdência Social. Foto: Ilkens Souza/Ascom/MPOG

O secretário-executivo do Ministério da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, foi um dos convidados para o segundo painel do dia: A Melhoria da Prestação de Serviços Públicos. Gabas falou sobre a experiência de gestão que comandou nos últimos doze anos na Previdência, que levou ao fim as filas nas portas das agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Aos ouvintes, o secretário-executivo enfatizou que o sucesso foi alcançado devido à mudança de cultura dentro da organização. “Passamos a dar mais atenção às pessoas”, declarou. Ainda de acordo com Gabas, a melhoria só foi possível porque houve investimento do Governo Federal e apoio dos servidores: “fizemos uma grande aliança entre os servidores e a Administração”.

(mais…)