Mais de 1.100 atendimentos foram realizados pela Agência Manaus Flutuante PREVBarco I, em missão realizada no período de 9 de junho a 26 de julho, ou seja, pouco mais de um mês e meio de atendimento à população. Foram visitados os municípios amazonenzes de Codajás, Anori, Beruri, Amanã, Caapiranga e Manaquiri. (mais…)

Adolescentes estão cada vez mais interessados em conhecer a Previdência

Adolescentes estão cada vez mais interessados em conhecer a Previdência

Previdência Social está muito mais próxima dos adolescentes. Mostra disso é Taynara Amaral, de 17 anos, que desde os 14 é menor aprendiz no Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Durante a 7ª Ação Nacional do Programa de Educação Previdenciária – PEP, em Florianópolis, a jovem perguntou à palestrante: “Menor aprendiz pode ser segurado da Previdência Social?”. Taynara e sua amiga Naiane Pereira, 16 anos, que também tem trabalho remunerado, descobriram que já estão inscritas no Regime Geral da Previdência Social. Isso quer dizer que têm direitos previdenciários.

A Previdência Social tornou-se “papo sério” para esses jovens que a viam restrita ao universo dos adultos. Em todo Brasil, o PEP realizou palestras para esclarecer aos estudantes questões da Previdência Social. Na escola de educação básica Lauro Muller, no Centro de Florianópolis, os alunos receberam as primeiras informações sobre os direitos e deveres como segurados. Souberam que ao manter vínculo em algum tipo de trabalho remunerado estão inscritos na categoria de segurado obrigatório, e que todo jovem, a partir dos 16 anos, pode inscrever-se como segurado facultativo. (mais…)

Segurados atendidos na ação em Fernando de Noronha

Termina hoje (15) a ação de atendimento promovida pelo INSS no Arquipélago de Fernando de Noronha (PE). O evento, que ocorreu no Centro de Formação Profissional Geração e Renda da Ilha, durou 10 dias e atendeu mais de 300 pessoas. Uma das seguradas beneficiadas pela ação, Dona Ivanete Ferreira da Silva Santos é nascida e criada no Arquipélago. “Tenho 62 anos e 6 meses de idade e me criei aqui. Já fiz de tudo pra me virar nessa vida, não vejo a hora de me aposentar”, explica.

Com mais de 20 anos de trabalho, Dona Ivanete prestou serviço ao Governo Federal e à Administração da Ilha. Porém, devido à distância da capital pernambucana, ainda não havia tido a oportunidade de fazer o acerto de contagem de tempo para sua aposentadoria. “Eu ia deixar pra lá, ia rasgar meus documentos, porque não sei andar em Recife (PE), não tenho como ficar lá. Mas aí o rapaz aqui me informou e aí entendi que são os meus direitos”. (mais…)

A Previdência Social informa que, em concordância ao que determina a legislação eleitoral, de que trata a Lei nº 9.504, de 1997, as atividades da instituição nas redes sociais (Twitter e Facebook) estão indisponíveis durante o atual período de campanha. Assim, até o dia 5 de outubro e, havendo segundo turno na eleição presidencial, até  26 de outubro, as páginas da Previdência Social no Facebook e no Twitter ficam fora do ar.

Os internautas podem continuar em contato com a Previdência por meio do portal (www.previdencia.gov.br) e do Blog (blog.previdencia.gov.br). É possível comentar os conteúdos, acompanhar as novidades e tirar todas as dúvidas.

Continue em contato com a Previdência Social!    (Ascom/MPS)

“Ave Maria! Está sendo uma bênção a presença da Previdência Social aqui em Noronha. Só o fato de não termos de sair daqui da ilha para ser atendido no Recife, nos deixa bastante satisfeitos. Foi uma maravilha!”.

População de Fernando de Noronha (PE) é atendida em primeiro mutirão de atendimento promovido pela Gerência do INSS de Recife/PE

O depoimento é do auxiliar-administrativo, Carlos Martins de Souza, 65 anos, nascido em Fernando de Noronha e morador do bairro Vila dos trinta, que compareceu ao Centro de Formação Profissional Geração de Renda, local onde servidores da Previdência Social lotados na Gerência-Excutiva Recife realizam uma ação de atendimento aos ilhéus, numa parceria com a administração do arquipélogo.

 

Durante dez dias, de 4 a 15 de agosto, cinco servidores (três administrativos, uma assistente social e uma perita-médica) atendem a um público estimado em 300 moradores que em sua maioria se dirigem ao INSS em busca de um acerto de contagem de tempo para aposentadoria. “Existe uma carência enorme de informação sobre os benefícios a que tem direito os moradores aqui da ilha”, explica Omar Gomes Sena Filho, chefe da Seção de Revisão de Direitos da Gerência Recife, e um dos servidores que participam da ação em Noronha.

 

Este é o primeiro “mutirão” de atendimento que a gerência Recife realiza este ano na ilha. “Estamos com previsão de mais uma atividade desse tipo para o próximo mês de novembro”, informa a chefe da Seção de Atendimento da Gerência-Executiva Recife, Valéria Gouveia. Para a perita-médica Cristiane Holmes “a presença do INSS na ilha marca a possibilidade dos moradores terem conhecimento dos direitos junto a Previdência, uma vez que o desconhecimento é muito grande”, enfatizou.

 

Problema técnico com a queda de energia e acesso à internet prejudicou o atendimento nesta segunda-feira (11). “Estamos com uma previsão de atender nesses próximos três dias a 40 moradores, em sua maioria requerendo o benefício da Lei Orgânica da Assistência Social (Loas)” explica Dra. Cristiane. (Ivan Miranda – ACS/PE)

Edgar de Albuquerque Parras, da Divisão de Informações Gerenciais, acompanha o trabalho de operadora em treinamento (Foto: Claudius Vinícius Rodrigues da Silva)

Servidores da Ouvidoria-Geral da Previdência Social estão, desde 27 de junho, realizando o treinamento de quarenta operadores de tele atendimento da terceira unidade da Central 135, recentemente inaugurada em Palmas (TO) e composta por 1,2 mil operadores. (mais…)

Encontro de gerações: aposentadoria dos mais velhos costuma ser socializada na aldeia

De sonhos destruídos, se fez a luta de 20 anos dos Guarani pela reconquista do Território Indígena Morro dos Cavalos no município de Palhoça, na Grande Florianópolis (SC). Por isso, a passagem do Dia Internacional dos Povos Indígenas, no dia 9 de agosto, é motivo de alegria redobrada para essa comunidade: “o povo do sol” comemora a recém-homologação, pela Presidência da República, de uma área de 1.956 hectares entre a Serra do Tabuleiro e o mar, onde pretende reconstruir um mundo Guarani de verdade, como o dos ancestrais.  O primeiro passo nesse caminho de esperanças é recuperar a tradição de agricultura de subsistência nas terras à margem da BR-101. Contidos em uma área íngreme e pedregosa , os Guarani foram durante todos esses anos afastados do cultivo da terra e obrigados a sobreviver do artesanato, de doações e da aposentadoria que os mais idosos recebem como segurados especiais. (mais…)

O Serviço Social foi implantado no Ministério da Previdência Social, no ano de 1994, e passou por diversas etapas, até sua reestruturação no ano de 2009, com a realização de concurso público para o cargo de Analista do Seguro Social, na função de assistente social.

A ampliação da força de trabalho dessa categoria profissional, no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), trouxe uma mudança qualitativa na  forma do relacionamento com a população que necessita dos serviços da instituição.  Assim, a atuação das assistentes  sociais vem colaborando para o fortalecimneto do trabalho de inclusão social dos cidadãos e segurados da Previdência Social.

(mais…)

“Quando a gente está recebendo auxílio-doença, acredita que está numa zona de conforto e acha que o melhor é se aposentar. Mas, na verdade,

A segurada Júnia Luciene Soares passou pelo programa de reabilitação e já voltou para o mercado de trabalho. Foto: INSS/MG

A segurada Júnia Luciene Soares passou pelo programa de reabilitação e já voltou para o mercado de trabalho. Foto: INSS/MG

a gente está perdendo algo que é nosso, o direito de crescer e sonhar”. Estudante de Direito e auxiliar de vendas de uma instituição financeira multinacional, a segurada Júnia Luciene Soares voltou ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), em Belo Horizonte, para contar as mudanças que transformaram sua vida para melhor, depois de passar pelo programa de Reabilitação Profissional (RP) do instituto .

A segurada costuma contar a sua história de vida para que a sua experiência sirva de estímulo para outros segurados voltarem ao mercado de trabalho. Mas até chegar a esse quadro, Júnia enfrentou dificuldades e incertezas. No final de 2008, apresentava uma suspeita de trombose linfedema na perna esquerda. Uma doença crônica que se manifesta pelo acúmulo de líquido e alterações nos tecidos, ocasionados por uma insuficiência da circulação linfática. A situação se agravava a cada dia, pois Júnia trabalhava como balconista num pequeno comércio e passava a maior parte do tempo em pé.

Com isso, teve que se afastar do trabalho por um longo período, recebendo o auxílio-doença previdenciário. Com a indicação dos médicos-peritos da Agência da Previdência Social Padre Eustáquio, que acompanhavam o caso, a segurada foi incluída no programa de RP da mesma agência. “Antes de iniciar, não estava certa de que o programa me ajudaria de fato. Ouvia muitas histórias de outros segurados de que eu não deveria aceitar e insistir em ser aposentada por invalidez”, relatou Junia Soares. (mais…)

Acordo terá duração de 5 anos (Foto: Nicolas Gomes)

O Ministério da Previdência Social (MPS) e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) renovaram dois acordos de cooperação técnica com a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (CONTAG). O primeiro permite que as entidades vinculadas à CONTAG realizem a inscrição do segurado especial e a Declaração Anual de Atividade Rural na página da Previdência Social (www.previdencia.gov.br).

Por meio do módulo disponibilizado no site, a entidade representativa, no caso a CONTAG, inscreve o segurado especial na Previdência Social e realiza a manutenção do cadastro, atualizando informações como vínculos, tipos de atividade desempenhada, categoria e demais informações sobre a atividade rural do segurado.

(mais…)