O trabalhador que esteve desempregado não pode recolher contribuições em atraso referentes a um período em que ele não trabalhou. As contribuições só podem ser pagas em atraso se, no período, a pessoa teve alguma atividade remunerada.

Porém, se houve trabalho por conta própria, o interessado deve ir ao INSS e levar documentos que comprovem que exerceu atividade autônoma. Com isso, ele poderá se inscrever como contribuinte individual e fazer o recolhimento sobre o período em atraso. (mais…)

Assistentes sociais que integram a equipe da Agência em Novo Hamburgo

O Programa de Reabilitação Profissional da Agência da Previdência Social em Novo Hamburgo (RS) reabilitou, recentemente, quatro segurados que foram capacitados através de treinamento profissional e contratados pelo Hospital Regina. Todos realizaram a capacitação nas dependências da instituição, além de terem sido contratados ao mesmo tempo por ela, que é uma das empresas parceiras que mantém Acordo de Cooperação Técnica com o INSS. Jovens, esses segurados apresentam ainda a mesma sequela: lesão do plexo braquial, ou seja, lesão nos braços.

Para Leandro Santos de Oliveira, 27 anos, a lesão veio após uma cirurgia de emergência que resultou na  limitação funcional do membro superior direito. Tendo cursado o ensino médio até o 1° ano e com experiência apenas como trabalhador braçal em curtume, já estava há três anos em benefício previdenciário, e não via possibilidades de voltar a exercer as atividades habituais. Com o surgimento da oportunidade de retorno ao mercado de trabalho, de acordo com a nova condição, ele não tem dúvidas e afirma que “se a pessoa tem condições de trabalhar, não sente dor, deve buscar um trabalho, tentar progredir. Recebendo um benefício, se fica sempre na mesma. Não há crescimento”. (mais…)

O pagamento da contribuição previdenciária, referente ao mês de junho, de contribuintes individuais, facultativos e empregados domésticos pode ser realizado até esta terça-feira (15), sem acréscimos.

Quem contribui sobre um salário mínimo com a alíquota de 20%, o valor é de R$ 144,80; quem paga 11%, o valor é de R$ 79,64 e quem contribui com 5% do salário mínimo (donas de casa de baixa renda), o valor a ser pago é R$ 36,20. O contribuinte pode pagar 20% sobre o salário mínimo até o limite de R$ 4.390,24, que é o teto da Previdência social.

No caso dos domésticos, a contribuição é de 12% do empregador sobre o valor do salário do empregado e de 8%, 9% ou 11% do empregado, dependendo do valor da sua remuneração.

Os contribuintes que estiverem com as contribuições previdenciárias em atraso podem atualizar os valores pela internet, no endereço www.previdencia.gov.br. Para acessar, clica em Agência Eletrônica e depois em cálculo de carnês. Pela internet, o usuário pode imprimir a guia e efetuar o pagamento das contribuições atrasadas dos últimos cinco anos, sem necessidade de ir a uma das agências do INSS. (mais…)

Em abril, o RN ganhou a agência de São Gonçalo do Amarante

O município de Santo Antonio, localizado a 75 Km de Natal, na região Agreste no Rio Grande do Norte, ganhará uma moderna Agência da Previdência Social, que substituirá a atual,  que funciona em prédio locado  e já não atende mais a demanda. A previsão é de que, até o final deste ano, a obra esteja concluída e entregue à população.

A agência de Santo Antonio é responsável pelo pagamento de 33.535 benefícios, transferindo, mensalmente, R$ 21,6 milhões para a economia da região. A maioria dos beneficiários é da previdência rural (25.766 do total), o que corresponde a uma movimentação de R$ 15.889.679,45 para o pagamento desta clientela. Os segurados urbanos representam 7.769, totalizando R$ 5.768.082,27. (mais…)

Tempo de áudio – 40 seg

LOC/REPÓRTER: A Previdência Social informa que, conforme determina a legislação eleitoral, as atividades da instituição nas redes sociais como o Twitter e o Facebook estarão indisponíveis durante o período de campanha. Assim, entre 5 de julho e 5 de outubro e, havendo segundo turno na eleição presidencial, até o dia 26 de outubro, as páginas da Previdência Social no Facebook e no Twitter estarão fora do ar.

Os internautas poderão continuar em contato com a Previdência por meio do portal www.previdencia.gov.br e do Blog blog.previdencia.gov.br. É possível comentar os conteúdos, acompanhar as novidades e tirar todas as dúvidas.

De Brasília, Ana Carolina Melo

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Tempo de áudio – 55 seg

LOC/REPÓRTER: As agências do INSS vão encerrar suas atividades ao meio dia e meia nos dias em que houver jogos da seleção brasileira, durante este período da Copa do Mundo, em todo o país. A exceção acontece nas unidades do INSS que estão localizadas nas cidades sedes da Copa. Nesses lugares, o horário de funcionamento do instituto seguirá a programação de feriados, pontos facultativos e redução de expediente determinado pelo poder público municipal, estadual ou distrital para realização dos jogos. São cidades sedes da Copa do Mundo de 2014: São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Brasília, Salvador, Recife, Natal, Fortaleza, Manaus, Cuiabá, Curitiba e Porto Alegre.

A Central 135 vai funcionar até ao meio dia e meia nos dias em que houver jogos da seleção brasileira. Nos demais horários, a Central funciona apenas para atendimento eletrônico. Nos dias em que não houver jogos do Brasil, a Central atende normalmente das sete horas da manhã às dez da noite.

De Brasília, Ana Carolina Melo

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

 

Quase 68 mil  pessoas residentes nos municípios rondonienses de  Buritis e Nova Mamoré, e cidades vizinhas, serão beneficiadas, a partir desta quinta-feira (3), com a entrega de duas Agências da Previdência Social (APS). Assim, não precisam mais fazer viagens cansativas e caras para utilizar os serviços do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). (mais…)

A Seção de Saúde do Trabalhador de Maceió (AL)  está agilizando as análises das aposentadorias por invalidez solicitadas pelos peritos médicos das agências da Previdência Social em Alagoas que não tem supervisores médicos, principalmente as unidades do interior. As  solicitações desse benefício oriundas dos profissionais das agências da capital e de Arapiraca são analisadas pelos supervisores médicos pericial, lotados nas respectivas unidades.

(mais…)

Deixar a família protegida é o desejo de todo trabalhador. Dessa forma, entre os benefícios oferecidos pela Previdência Social está o de pensão por morte, que tem por objetivo assegurar uma renda aos dependentes do segurado quando do seu falecimento.  Entre os dependentes, além dos filhos, esposa ou marido, estão também o companheiro ou a companheira, esses sendo necessária a comprovação da união estável.

(mais…)

Pesquisa com segurados reabilitados em 2013 foi apresentada em Fórum Internacional de Qualidade de Vida

O estudo sobre o perfil social dos segurados atendidos pelo Programa de Reabilitação Profissional (PRP) do Instituto Nacional do Seguro Social

As servidoras Daniele Einloft e Laura Segabinazzi Pacheco, da equipe de Reabilitação Profissional da Gerência Executiva Santa Maria, receberam o prêmio de melhor pôster. Foto: Divulgação INSS

(INSS)  em Santa Maria, em 2013, recebeu o Prêmio Boas Práticas de Qualidade de Vida no Serviço Público. O trabalho foi apresentado durante o 16º Fórum Internacional de Qualidade de Vida no Trabalho, e integrou um pool de eventos na área de 3 a 5 de junho de 2014, em Porto Alegre. Representando o INSS, a equipe de Reabilitação Profissional da Gerência Executiva Santa Maria, as servidoras Daniele Einloft e Laura Segabinazzi Pacheco receberam o prêmio de melhor pôster, na categoria serviço público, das mãos do Phd em Ciências Humanas José Vieira Leite (RJ), coordenador do 6º Encontro Nacional de Qualidade de Vida no Serviço Público.

Com o título “Delineamento dos segurados reabilitados pelo Serviço de Reabilitação Profissional”, a análise considerou sexo, idade, função de origem e função para a qual foram reabilitados. O estudo evidencia que os avaliados são, na maioria, do sexo masculino,  na faixa de idade economicamente ativa, entre 30 a 39 anos.  Esses resultados ajudam a orientar e direcionar as ações na área, enaltece a superintendente da Regional Sul, Raquel Marshall Gadea.

Baseado no levantamento de dados no Boletim Estatístico de Reabilitação Profissional (BERP) e nos prontuários dos reabilitados no ano de 2013, o trabalho  avaliou 63 casos. É de autoria das servidoras Daniele Einloft, assistente social e pós-graduada com  MBA Gestão Hospitalar; Laura Segabinazzi Pacheco, terapeuta ocupacional, mestre em Distúrbios da Comunicação Humana e Adriana Terezinha do Canto Steckel, perita médica, especialista em dermatologia.

A estatística de pessoas com limitações ressalta o papel social da Reabilitação do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), previsto no artigo 89 da Lei n.º 8.213/91, cujo objetivo é proporcionar aos incapacitados por doenças ou acidentes de trabalho os meios indicados para o seu reingresso no mercado profissional.  (Raquel Wandelli/ACS/SC).